Desenvolvimento Filhos

Consulta oftalmológica e a sua importância para o seu bebê

22 de Fevereiro de 2015

Que tal falarmos um pouquinho sobre a importância de levar seu filho a uma consulta oftalmológica? Já pensou nisso? Sim… É preciso levá-lo quando ele ainda é bem pequenininho! Os especialistas sugerem que os bebês façam sua primeira consulta ao oftalmologista aos 6 meses de idade!

Eu na verdade, quando li isso, achei que era um pouco exagerado, mas, na medida que fui me aprofundando no assunto, achei que seria muito importante falar sobre essa consulta e sobre tudo o que está relacionado à ela.

Hoje temos na medicina vários tipos de exames que são realizados logo após o nascimento dos bebês, alguns até mesmo na maternidade. São exames que podem prevenir doenças e detectar possíveis alterações oculares. E isso é de extrema importância pois sabemos que muitas doenças, quando descobertas precocemente, podem ser mais facilmente tratadas e/ou curadas!

Ainda na maternidade, seu bebê deve fazer o teste do olhinho – conhecido também como teste do reflexo vermelho. Neste teste, é possível identificar se há qualquer alteração estrutural ocular que possa impedir a criança de desenvolver uma visão perfeita. É um exame simples, rápido e indolor! Para o alívio dos nossos corações, não é mamãe? De acordo com a Sociedade Brasileira de Oftalmologia Pediátrica (SBOP), cerca de 400 mil crianças são deficientes visuais no mundo e, das causas de deficiência visual infantil mundial, 80% poderiam ser evitadas se medidas simples, como o teste do olhinho, fossem divulgadas e realizadas rotineiramente. Gente… Isso é inacreditável!!!

Pois bem… Como disse no início do texto, aos seis meses de idade, a criança deve então ser levada ao médico oftalmologista para uma primeira consulta e também exames mais completos. O oftalmologista pode perceber diferenças visuais entre um olho e outro, e ainda, a catarata infantil, que pode ocorrer em qualquer idade e o retinoblastoma, um tumor que pode tirar a visão, mas que, se identificado precocemente, tem cura!

No mais, existem algumas coisas importantes que podemos fazer em casa, como por exemplo, ficar atentos aos sinais que podem indicar algo como vermelhidão e lacrimejamento nos olhos e dificuldades para pegar algum objeto, durante uma brincadeira com ele, por exemplo! Fique atento a isso! E se você ainda não levou seu pequeno, marque uma consulta o quanto antes e se certifique de que está tudo bem com ele! É o que vou fazer!

Beijinhos,

Tati Carvalho

You Might Also Like

No Comments

Leave a Reply